‘Exército vai entrar em meio expediente’, afirma Bolsonaro sobre crise

Como ficará a defesa da cobiça de grandes nações pelas riquezas do Brasil?

Presidente afirmou que ministros estão ‘apavorados’ com falta de verba e que, neste ano, o governo está ‘tentando sobreviver’. Há três semanas, governo anunciou bloqueio de R$ 1,44 bi no Orçamento.

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta sexta-feira (16) que o “Brasil todo está sem dinheiro” e que o Exército vai trabalhar meio expediente para economizar.

Bolsonaro comentou sobre as dificuldades de caixa do governo ao ser questionado pela imprensa a respeito da decisão do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) de, diante da falta de verba, suspender novas bolsas de pesquisa.

Há três semanas, o governo anunciou um bloqueio de R$ 1,44 bilhão no Orçamento da União, como uma forma de compensar a frustração de receitas decorrente da queda na previsão do Produto Interno Bruto (PIB) para 2019. O contingenciamento afeta diversos ministérios.

“O Exército vai entrar em meio expediente, porque não tem comida para dar para o recruta, que é o filho de pobre. A situação que nós encontramos é grave. Não há maldade da minha parte. Não tem dinheiro, só isso, mais nada”, afirmou Bolsonaro, após participar de uma cerimônia no Palácio do Planalto sobre o Dia Internacional da Juventude.

Procurados pelo G1, o Exército e o Ministério da Defesa ainda não tinham se manifestado até a última atualização desta reportagem.

O presidente acrescentou que “os ministros estão apavorados” com a falta de verba. Ele disse que que tem conversado com a equipe econômica sobre o que é possível fazer para “sobreviver” no ano de 2019.

“O Brasil todo está sem dinheiro. Em casa que falta pão, todos brigam e ninguém tem razão. Os ministros estão apavorados, estamos aqui tentando sobreviver no corrente ano, não tem dinheiro”, completou Bolsonaro.

Canal Hoje no Mundo Militar

fontes: Por Guilherme Mazui e Fernanda Calgaro, G1 — Brasília e Canal Hoje no Mundo Militar

Comentário (2)

  • Maurílio| 31/08/2019

    Maurílio Domingos da Silva

    • Célio| 03/09/2019

      Mauricio seja bem vindo a esse grande projeto ..qualquer dúvidas estamos a disposição para tirar qualquer que seja a questão

  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *