Veja como foi a 20ª edição do Volta à Caserna 2019 em Barueri (SP)

Barueri (SP) – Em 14 de dezembro de 2019, foi realizada a edição do Volta à Caserna no 20º Grupo de Artilharia de Campanha Leve “Grupo Bandeirante”. O dia festivo iniciou com as exposições dos subsistemas da artilharia, logo após ocorreu a palestra no cine-bandeirante sobre a Organização Militar e logo em seguida foi realizada a formatura no pátio Osvaldo Cordeiro de Farias, na qual todos puderam proferir, novamente, o juramento à Bandeira Nacional.

HISTÓRICO 20º GacL

O 20.º Grupo de Artilharia de Campanha Leve – Grupo Bandeirante é uma tradicional unidade militar do Exército Brasileiro, subordinada à 12ª Brigada de Infantaria Leve (Aeromóvel) e situada em Barueri, São Paulo. História O Grupo teve origem no Estado da Bahia, onde ostentava a denominação de Regimento de Artilharia da Bahia, em 1749, e 7° Corpo de Artilharia de Posição, em 1824. No ano de 1915, pelo decreto nº 11.498, de 23 de fevereiro, foi criado com a denominação de 4º Grupo de Obuses, na cidade de Jundiaí. Em julho de 1932, a unidade solidarizou-se com a Revolução Constitucionalista que irrompeu na capital do Estado, e atuou no Vale do Paraíba ao lado do povo paulista, até o final da luta. Anos depois, com a denominação de 1º/2º Regimento de Obuses Auto-Rebocado, sob o comando do Tenente-Coronel José de Souza Carvalho, integrou-se à gloriosa Força Expedicionária Brasileira (FEB), como III Grupo de Artilharia, cumprindo com bravura a missão que lhe foi atribuída em terras da Europa. O Grupo Souza Carvalho, como era conhecido, participou de várias campanhas na Itália: Montese, Monte Castelo, Fornovo di Taro, Belvedere e Castelnuovo, quando mais de nove mil granadas foram lançadas por suas bocas de fogo. Antes de retornar ao solo pátrio, consciente de sua importante participação na vitória das tropas brasileiras e coroando a sua trajetória, o Grupo foi designado para cumprir a última missão de tiro da Artilharia brasileira no sangrento conflito. Em 1946, recebeu a designação histórica de Grupo Bandeirante, por ter sido a única Unidade de Artilharia do Estado de São Paulo a participar da 2ª Guerra Mundial. Décadas mais tarde, no dia 1° de janeiro de 1977, instalou-se em Barueri, com o nome de 20° Grupo de Artilharia de Campanha. No período de 1986 a 1994, recebeu a incumbência de, juntamente com a Escola de Sargentos das Armas (EsSA), formar Sargentos de carreira da Arma de Artilharia. Em 19 de junho de 1995, o Grupo passou a denominar-se 20º Grupo de Artilharia de Campanha Leve, pioneiro no Exército como Unidade de artilharia de campanha aeromóvel. Nos últimos anos, o Grupo enviou muitos de seus militares para a tropa de paz que atua no Haiti. Emprego O Grupo integra a Força de Ação Rápida Estratégica do Exército, podendo ser empregado em qualquer parte do território nacional, normalmente subordinado à 12ª Brigada de Infantaria Leve (Aeromóvel), Grande Unidade sediada em Caçapava. Também pode atuar, em caráter episódico, na garantia da lei e da ordem, quando solicitado por um dos Poderes Constituídos e autorizado pelo Presidente da República.

Volta a Caserna 2019

Barueri (SP) – Em 14 de dezembro de 2019, foi realizada a edição do Volta à Caserna no 20º Grupo de Artilharia de Campanha Leve “Grupo Bandeirante”. O dia festivo iniciou com as exposições dos subsistemas da artilharia, logo após ocorreu a palestra no cine-bandeirante sobre a Organização Militar e logo em seguida foi realizada a formatura no pátio Osvaldo Cordeiro de Farias, na qual todos puderam proferir, novamente, o juramento à Bandeira Nacional.A AMFAAR se fez presente junto com o grupo de veteranos do 5 ° GACAP que tem como presidente o CB Kindler, fica nosso agradecimento a ele pelo convite

Posted by AMFAAR – Associação dos Militares das Forças Armadas da Ativa e Reserva. on Monday, December 16, 2019

Brasil acima de tudo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *